RELACIONAMENTO ABUSIVO VAI ALÉM DE UMA RELAÇÃO "CASAL" - BLOG CONFIDENT

RELACIONAMENTO ABUSIVO VAI ALÉM DE UMA RELAÇÃO "CASAL"

RELACIONAMENTO ABUSIVO VAI ALÉM DE UMA RELAÇÃO CASAL | BLOG CONFIDENT POR LETÍCIA CAETANO
Todos nós vivemos em um relacionamento, seja ele sentimental, familiar, profissional, social... A sociedade é um grande relacionamento. Hoje, eu vim aqui falar com vocês sobre relacionamentos abusivos e de como as pessoas o fecham a um único tipo de relação...
Para quem ainda tem dúvidas de como funciona esse tipo de relação, ele não precisa ter agressão física, basta ter a verbal, a psicológica, ela já se torna abusiva. Qualquer tipo de ação que faça a outra pessoa se sentir menosprezada e humilhada perante aquele que lhe impõe e a sociedade... Creio que todos já passamos por algo assim, ou conhecemos alguém que passou por isso. 
O relacionamento abusivo pode e ocorre em qualquer tipo de relação, desde seus parentes, amigos, chefes, namorados, então não limite-se. EXISTE RELACIONAMENTO ABUSIVOS EM TODO E QUALQUER TIPO DE RELAÇÃO SOCIAL SIM! O fato de limitarem muito isso ao relacionamento amoroso é que a visão é mais atenta aos outros tipos de relação e é onde o abuso ocorre com mais frequência, além de ser os mais debatido. Afinal, como dizer que em uma relação de pai e filho isso ocorre? Ou em uma amizade? 
Nunca, em momento algum, o motivo daquilo estar acontecendo é culpa da vítima. Há uma passagem na bíblia que diz que há muitos leões/lobos disfarçados de ovelha e é assim que acontece. Você não sabe que está em um até chegar ao seu limite. Tudo começa com pequenas discussões, pequenas manipulações, pequenas reclamações sobre quem você é e como se porta e/ou se veste. Há casos que infelizmente levam a morte da vítima e os que cercam só percebem depois que já é tarde.  E eu sei que não é fácil sair de um relacionamento assim, pois quanto mais a pessoa lhe prende em uma gaiola, mais difícil fica achar uma saída e há casos que o pedido de socorro passa a ser um "grande exagero" de quem sofre, um mero drama, até chegar ao ponto desta pessoa achar que tudo isso é culpa dela. 
O que quero dizer com esse post é que se você conhece alguém ou é essa pessoa, peça ajuda, não deixe que isso te esgote e jamais se culpe por isso. As vezes é bom dizermos isso, porque é no extremo de nossas emoções que mais nos sentimos sozinhos, desamparados, achando que ninguém te entende. E lembre-se, não é necessário haver agressão física para caracterizar um relacionamento abusivo.
Obrigada por tudo!
XOXO <3

Um comentário:

  1. Olá
    Adorei o seu texto. Acho de extrema importância que falemos sobre esses relacionamentos ora do casal que também pode ser abusivo. As pessoas tendem a encaixar tudo em caixinhas, mas nem tudo cabe somente em uma caixa. Parabéns pelo texto e pela coragem em falar sobre um assunto tão delicado.

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir