5 COISAS QUE NINGUÉM ME CONTOU SOBRE SER MULHER.

quarta-feira, março 23, 2016

5 COISAS QUE NINGUÉM ME CONTOU SOBRE SER MULHER.
Olá, meus amores, tudo beleza?
O post de hoje é uma blogagem coletiva organizada pelo grupo mais amor que existe no facebook, o Daydream. O tema escolhido para este mês foi: Coisas que ninguém me contou, e eu selecionei cinco coisas que ninguém (nunca) me contou sobre ser mulher. 
Eu venho de uma família bem tradicional, então imagina a quantidade de coisas que eu não fazia ideia até me tornar adulta...
1. Não sou obrigada a ser dona de casa;
Eu cresci ouvindo que quando estivesse casada seria dona de casa, poderia trabalhar fora, mas nunca deixar de ser dona de casa, ou seja, cuidar das tarefas domésticas, marido, filhos, sobrinhos, netos, comida... Posso assumir uma coisa para vocês? Sou péssima com esse tipo de coisa, não levo jeito mesmo e foi quando eu cresci que descobri que eu não sou obrigada a ser assim, uma dona de casa, afinal, eu não moraria na casa sozinha e as tarefas podem ser divididas.
2. Não é preciso me casar para sair da casa dos meus pais;
Está sendo muito difícil essa parte para a minha mãe, mas aqui onde moro parece ser até um insulto ir morar sozinha, em algo seu, viver sua vida de forma independente. Desde criança sempre soube que eu queria ter uma vida antes do dito casamento, mas tudo o que eu ouvia era: "Uma mulher que se preze não sai da casa dos pais sem antes estar casada". Morei junto e não deu certo, foi quando eu percebi que eu precisava mesmo ter meu espaço, minha vida, assim como eu planejei ainda criança/adolescente. Ainda não moro sozinha, tá, gente?! Mas estou me organizando para isso e em breve trarei noticias sobre isso.
3. Não tem problema nenhum em ser diferente;
De todas as minhas primas e algumas coleguinhas de escola, eu sempre fui a mais diferente, sempre com sonhos e planos e um estilo diferente e isso sempre foi tachado como uma coisa ruim, motivo até para piadinhas de mal gosto. Conforme eu ia crescendo, fui vendo que não era problema nenhum ser diferente, querer coisas diferentes das pessoas que me cercam. Ser diferente das outras pessoas é o que nos torna especial e únicos. Sou feliz por isso.
4. Meu cabelo não precisa ser domado;
Ah, o cabelo! Eu fiz um post aqui sobre a minha história com o BC (clique aqui) e antes disso eu não aceitava meu cabelo e muita gente, mesmo gostando dele cacheado, não gostavam dele solto ao estilo leãozinho, ou seja, com aquele volume - que eu amo, atualmente -, então eu fazia do meu cabelo a morada de cremes de pentear, usava uma quantidade absurda e de forma errada. Hoje, eu vejo que não tem problema o meu cabelo ter volume, até queria que ele fosse mais volumoso.
5. Sexo é bom.
Eu pensei se colocava ou não esse tópico, mas nunca tive problema de falar sobre. Algumas pessoas podem até se ofender com isso, mas é algo que ninguém nunca me contou, tipo, MESMO! Sempre ouvi que o certo era sexo depois do casamento e que machucava, não dava prazer, que era ruim, que o homem era um monstro, tratava a mulher de qualquer jeito, só para conseguir o que quisesse. Até os 19 anos, eu tinha repulsa só de ouvir sobre isso de tanto medo, mesmo que no Ensino Médio eu tenha conhecido meninas que disseram o contrário de tudo o que eu ouvi. Foi quando rolou e gente, todo aquele horror que eu ouvi falar se desfez, e eu não morri por ter sido antes de me casar. Vale lembrar que com relação a esse assunto, você também não é obrigada a fazer algo que você não queira, outra coisa que ninguém nunca me contou sobre isso. 
Então, amores, o que acharam? Teve algo daqui que ninguém nunca te contou? Ah, me conte também sobre experiências e descobertas sobre ser mulher que ninguém contou para você.... Eu tenho muito mais para contar para vocês sobre ser mulher, administradora, professora, blogueira/youtuber, mas o post ia ficar muito extenso, (risos). 
Muito obrigada por tudo!
XOXO.
--*--

PS.: Loves, deixem sugestões aqui no blog sobre coisas que vocês querem ver por aqui ou lá no canal, ok?

Você vai amar!

12 comentários

  1. É Letícia ser mulher é um lance desafiador, ainda mais quando fomos criados em meio a tantas bases sociais um tanto opressoras. Que bom que a cada dia você tem amadurecido com suas próprias descobertas moldando sua personalidade positivamente. para quem ja era diferente antes deve ser uma metamorfose mais que interessante agora. Abraços e parabéns pelo post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk, pois é, Belly. Tem gente que ainda pergunta se tenho jeito. kkk, Obrigada pelo comentário, gata <3

      Excluir
  2. Mulher, arrasou no tema, arrasou nas considerações, arrasou no empoderamento!
    Não somos obrigadas a NADA. Não precisamos ser femininas, não precisamos saber nos maquiar, não precisamos andar de salto, não precisamos casar ou ter filhos, não precisamos se encaixar em padrões, não precisar ser o que os outros querem que a gente seja! Parabéns pelo post <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk, isso mesmo, gata! Como muitos agora pregam por aí e peguei para vida é "Queridin, não sou obrigada a NADA e também não sou suas NEGAS"kkk, Muito obrigada pelo carinho. Fiquei feliz em saber que gostou.

      Excluir
  3. Ah moça, eu amei esse post! Um post libertador, não??
    Acho que ninguém me falou nada disso, mas ninguém nunca dificultou a minha descoberta sobre esses assuntos, não; o que já é lucro!
    Sempre fui de desbravar o desconhecido sozinha, meus pais nunca foram muito de conversar comigo, e muito menos sobre coisas sérias e que determinam uma vida, a não ser estudo, isso eles falam 24hs...
    Adorei o post, principalmente a parte de morar sozinha e sobre casamento. Vim de uma família até que nos moldes tradicionais, mas camuflada, o que é pior... E sou a ove,lha negra no que diz respeito a relacionamentos e casamento; desde pequena tenho minha mente formada sobre isso, claro que mudou um pouco com o que fui observando do mundo, mas ainda é essencialmente a mesma, de que não quero e nem pretendo me casar, mesmo que eu ame muito alguém.
    Adoro seu blog, seu que comento pouco, mas virei fazer mais visitas e me pronunciar haha Beijos!
    Blog Seja Frugal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sarah, sua linda, por favor, comente mais... Além do prazer em escrever, tenho prazer em falar com vocês, acho que de tudo isso, ter uma interação com as pessoas é a melhor parte. Sou eternamente grata a todos vocês por isso. Enfim, ao post. Olha, somos duas ovelhas negras... kkk, Para uma, ainda, criança na época, saber que já quer morar sozinha, foi um impacto e tanto aqui entre meus parentes. Eu nunca fui contra o casamento, muito pelo contrário, um dia quero ter uma família, mas não nesse momento, não agora. Acho que é algo que tenho que estar preparada e esse ainda não é o momento. Sabe? Você deve me entender. Tenho coisas que ainda quero fazer e sonhos a realizar... Tudo tem seu tempo certo. Muito obrigada pelo seu carinho, minha flor <3

      Excluir
  4. Melhor post, adorei! E gosto bastante quando falam de sexo abertamente igual você falou nesse post, e sobre mulher não precisar ser casada para sair de casa: pura verdade, não somos obrigadas hahaha, amei o post, um dos que mais gostei aqui do seu blog, beijos Le <3

    ResponderExcluir
  5. São coisas que não contam para a maioria de nós mulheres, principalmente essa do sexo. Me deu até vontade de fazer um post desse sobre coisas que não em contaram também (se importa se eu usar a ideia?)
    Realmente o sexo pode ser bom e é quando a gente se conhece e fica com alguém que respeita a gente, não precisamos ser donas de casa ou casadas para ter nossa casa, nossas coisas né?
    Hurricane Stars

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, guria... E claro que não tem problema... <3

      Excluir
  6. Menina eu penso igual a você em relação as cinco questões rs. Acho que nós mulheres podemos escolher o que quiser ser.E claro também sou a diferente, também quebrei esse tabu do sexo, e é muito bom rsrs.Meu cabelo decidi deixar ele ser o que ele quiser, se ele quer ser armado que seja, to feliz assim.Melhor post que já li, maravilhoso.Aproveitando a colega a cima posso também fazer um post semelhante ao seu?

    Beijos.
    https://garotascomovoceoficial.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk, Muito obrigada, Karen. Fico muito feliz por saber que mais garotas compartilham desse sentimento e é claro que pode.

      Excluir

OS QUERIDINHOS

CURTA NO FACEBOOK

RECEBA NOSSA

Inscreva-se para receber os novos artigos do blog diretamente em seu e-mail: