O que me faz pular

terça-feira, dezembro 29, 2015

Olá, meus amores! 
Hoje é o antepenúltimo dia do ano e eu não podia deixar de falar com vocês sobre esse livro incrível, neste dia de muita reflexão e planejamento para uma mudança em todas as áreas da nossa vida. 
O livro "O que me faz pular" foi escrito por Naoki Higashida, um jovem que sofre de autismo severo desde pequeno, melhor dizendo, ele foi diagnosticado aos cinco anos de idade. No livro ele tenta - e consegue - mostrar para o mundo como é a visão da vida de uma pessoa com autismo. Ele explica, com base em sua vida, as crises, os choros, o isolamento e como as pessoas podem lidar com isso.

RESENHA DO LIVRO O que me faz pular

Para quem ainda não sabe "o autismo é um transtorno de desenvolvimento que geralmente aparece nos três primeiros anos de vida e compromete as habilidades de comunicação e interação social." [definição retirada do site: Minha vida
Naoki também conta no livro como foi o seu processo de aprendizagem e o que o estimulou a escrever o livro. O que me faz pular, também relata como é a percepção de espaço e tempo para um autista e como é a relação de sentimento entre seus parentes e ele. 
Quando eu soube desse livro, eu fiz de tudo para compra-lo com urgência, porque como já contei para vocês faço pedagogia e antes de me envolver com o blog queria trabalhar somente com crianças especiais e depois de ter participado de palestras sobre o autismo, me interessei muito pelo assunto, o que serviu para intensificar a minha vontade de ler este livro. 

RESENHA DO LIVRO O que me faz pular
O que me faz pular me emocionou do inicio ao fim, porque quando vamos ler um livro sobre determinado assunto ou um assunto como a deficiência, geralmente lemos pela visão de um pesquisador e não pela visão da própria pessoa que vive isso todos os dias, a percepção de mundo passa a ser totalmente diferente. 
Eu indico o livro aos curiosos, aos estudantes do curso de formação de professores, médicos, pediatras, pais, alunos de todos os curso de licenciatura, irmãos de crianças com autismo, a sociedade em geral, melhor dizendo, porque - para mim - nós devemos conhecer sobre assuntos que envolvem outras pessoas, justamente para evitar a ignorância e o preconceito. 

RESENHA DO LIVRO O que me faz pular

O que me faz pular foi o único livro que eu acabei grifando depois que voltei aos meus hábitos de leitura, pois Naoki escreveu algo que me fez pensar em diversas situações da vida e com a relação de amor próprio e ao próximo, "Porém, a partir do momento em que aprendemos a nos amar, não sei bem se faz diferença termos autismo ou não". 
Para finalizar, o livro é bem pequeno e você pode lê-lo em um dia, só contem 190 páginas e a escrita é ótima, há figuras nos decorrer do livro, alguns contos, e perguntas e respostas. Mais uma vez, recomendo a leitura, para todos e vale a pena a releitura do livro - estou pensando em fazer isso, para ser honesta. 

Espero que tenham gostado, meus amores e não deixe de deixar aqui nos comentários o que achou, se já leu, se quer ler... Me conte sua história, caso tenha uma história de autismo em sua família... Adoro conversar com vocês <3
Obrigada por tudo!!!
XOXO.

Você vai amar!

6 comentários

  1. olá, amei o seu blog, nossa esse post me chamou atenção, e já sei qual livro irei ler no inicio de 2016, obrigada pela ajuda, não conheço nenhum autista mais sei que se um dia vier a conhecer levarei em conta o que disse nesse post
    beijos celly
    www.meninasdatitude.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marcele! Fico muito feliz que tenha gostado :)
      Esse livro é maravilhoso, leia sim... Você vai amar.
      Obrigada por ter comentado <3

      Excluir
  2. Amei o post . adorei o seu blog linda
    http://dreamygirlofficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Muito legal os artigos, parabéns.
    http://comocontrolaraansiedade.info

    ResponderExcluir

OS QUERIDINHOS

CURTA NO FACEBOOK

RECEBA NOSSA

Inscreva-se para receber os novos artigos do blog diretamente em seu e-mail: